Deputado Federal José Nelto denuncia Aneel por querer cobrar a luz do sol

0
274

O deputado federal por Goiás Jose Nelto (Podemos) denunciou na Tribuna da Câmara Federal a Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL por querer taxar o usuário da energia solar do sistema fotovoltaica.
Para o deputado José Nelto a luz do sol nasce para todos e considerou um absurdo a proposta da ANEEL, com o intuito de cobrar a luz do sol dos brasileiros. E desabafou a sua indignação sobre a Agência Nacional de Energia Elétrica.
Para José Nelto “nada justifica tamanho absurdo sobre” a cobrança da luz do sol e, especialmente na produção de energia solar, que é uma energia limpa e farta no Brasil, que está ajudando resolver o problema da energia elétrica, cada dia mais comprometida com a falta de água nos rios e a demanda que só aumenta a cada dia, disse o parlamentar.
O deputado José Nelto disse ainda, que a energia solar é um programa que está dando certo no Brasil. Está sendo usado nas indústrias, nas propriedades rurais, nas residências e empresas, gerando empregos e desenvolvimento ao país. E que estranha a posição da ANEEL, um órgão que foi criado dentro do Congresso Nacional para defender o povo e a Nação Brasileira, mas está agindo em desfavor do seu objetivo e das funções a ela atribuída. E que “isso é o maior escândalo que está acontecendo no Brasil”. Por isso, vai entrar com representação de denúncia no Ministério Público Federal, na Polícia Federal, no Ministério das Minas e Energia e outros órgãos, para revogar a medida proposta pela agência reguladora de energia elétrica do Brasil.
O deputado Federal José Nelto esteve no dia 20 de outubro, no Encontro das oposições, na cidade de Goiatuba e falou do fato que ele denunciou no Congresso Nacional, alertando a população sobre a inversão dos papéis dos órgãos públicos no Brasil, e também dos agentes políticos que usam do cargo para enriquecer e causar prejuízos ao país, ao estado e municípios.
Na ocasião, o parlamentar criticou o processo de terceirização das empresas públicas no Estado, a exemplo da CELG, que depois que vendeu a concessão à Enel, os serviços pioraram muito e não tem a quem reclamar, pois não consegue falar com ninguém da Enel para resolver problemas. Assim como o DETRAN e outros órgãos que foram terceirizados no Estado de Goiás, também pioraram os serviços, disse o parlamentar.
Sobre a política de Goiatuba, José Nelto disse que a oposição precisa unir em torno de um nome só para vencer as eleições. E que está junto às oposições para ajudar o Município sair dessa situação difícil que se encontra.